Põe-me como selo sobre o teu coração, como selo sobre o teu braço, porque o amor é forte como a morte, e duro como a sepultura o ciúme; as suas brasas são brasas de fogo, com veementes labaredas. As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam (Ct 8: 6-7; Fiel).

sábado, 30 de novembro de 2013

Soneto para Gisele (minha outra filha)


Mocinha serelepe do sorriso sapeca,
diz como foste ser assim tão moleca?
Ao ver toda essa alegria, logo regozijo:
"Deus, por que foste tão bom comigo?"

Deu-me a felicidade em forma de flor,
nascida em vaso na varanda do amor!
Tanta vida há em ti que sempre repito:
"Deus, por que foste tão bom comigo?"

Gisele é a menina que dá nó em vento,
limoeiro dando amora em todo tempo,
presente recebido do meu melhor Amigo.

O significado do nome dela eu já explico:
"Promessa, penhor, garantia"! Quem diria
da imensa Graça que teu nome revelaria?

Fábio Ribas

2 comentários:

Cida Kuntze disse...

Soneto maravilhoso Fábio.
Que Deus abençoe cada dia mais a Gisele.
Ela realmente tem a carinha descrita em todas as suas palavras.
Abraços.

Casal 20 disse...

Obrigado, querida Cida!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...