Põe-me como selo sobre o teu coração, como selo sobre o teu braço, porque o amor é forte como a morte, e duro como a sepultura o ciúme; as suas brasas são brasas de fogo, com veementes labaredas. As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam (Ct 8: 6-7; Fiel).

quinta-feira, 2 de junho de 2011

São demais os perigos dessa vida para quem tem paixão - Cantares de todos nós (VIII)


 O filósofo David Hume dizia:

- A razão é escrava das paixões!

Mas, a Caim, Deus há muito já exortara:

- Cabe a ti, dominá-las!


video

2 comentários:

Pr.Charles Maciel Vieira disse...

Coisas para a alma.


Paz seja contigo



Pr.Charles Maciel
http://palavraeteologia.blogspot.com

Pri disse...

Olá queridos amigos,boa noite!
Linda está melodia,a letra é perfeita.
Lembranças da Pri.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...