Põe-me como selo sobre o teu coração, como selo sobre o teu braço, porque o amor é forte como a morte, e duro como a sepultura o ciúme; as suas brasas são brasas de fogo, com veementes labaredas. As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam (Ct 8: 6-7; Fiel).

domingo, 6 de março de 2011

Pastoral para este domingo de carnaval (Mas gente! Sai dessa folia, coloca os pés para cima e venha ler!)


 
Agora, não deixe de ler também ao sensacional texto de Regina (Blog Bora ler). É só clicar aqui do lado: "A nossa vida é um carnaval..."

Um comentário:

Regina Farias disse...

Fábio,

Acho muito importante que vc recomende porque é uma experiência pessoal de quem viu não apenas os dois lados do carnaval, como principalmente os dois lados da questão religiosa.

Nada que seja proibido ou adotado à força pode ser vivido com alegria. Como eu afirmo lá, hoje eu vejo que tudo aquilo só se tornava pesado porque havia uma espécie de imposição à alegria e diversão, em meio àquela inversão de valores disfarçada de folia.

Culturalmente, vivíamos uma obrigação de presenciar/compartilhar uma felicidade externa com amigos e familiares em alguns dias e isso me incomodava. Sem falar dos excessos que sempre são desnecessários, afinal a alegria vem de dentro do coração e não de algo de fora que precise "engatar" uma falsa alegria passageira.

Não que eu fosse infeliz à época, tinha uma vida conjugal e familiar perfeita. A minha infelicidade residia numa imensa saudade de algo que eu não sabia o que era, que me inquietava a alma, que fazia um buraco enorme no meu coração e que me intrigava já que minha vida era perfeita. Mas aí, há sete anos esse vazio foi preenchido e hoje a verdadeira alegria instalada me permite estar em qualquer ambiente com o coração em paz. Mas isso é outra história e que está registrada em várias páginas do meu blog e principalmente impressa nas páginas da minha existência, traduzidas no meu agir, no meu ser, para que respinguem em outras pessoas que viveram angústias parecidas.

Desculpe se me estendi, mas é que eu me empolgo :)

Beijos nessa família linda!

R.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...