Põe-me como selo sobre o teu coração, como selo sobre o teu braço, porque o amor é forte como a morte, e duro como a sepultura o ciúme; as suas brasas são brasas de fogo, com veementes labaredas. As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam (Ct 8: 6-7; Fiel).

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Casal 20 - Porque gostamos de viver perigosamente!

Este post é dedicado aos amigos que nos acompanham,
abraços sempre afetuosos em todos!

Casal 20

Foi um seriado policial, que estreou em 1979, e narrava as aventuras de Jonathan e Jennifer Hart, um casal milionário (rsrsrsrs) que, como se dizia na abertura do seriado, só se sentia feliz vivendo perigosamente (bem, o que de certa maneira, guardando as devidas proporções, não está muito longe da vida que Deus escolheu para nós). Assim, entre viagens e mistérios pelo mundo, os Hart não tinham receio de arriscarem suas vidas por uma boa causa (que tal a maravilhosa causa do evangelho?). O mordomo Max e o cachorrinho Freeway completavam a família (http://www.oyo.com.br/seriados-e-tv/seriado/casal-20/).

video

Só não somos milionários, mas, de resto, a nossa vida é igualzinha...

2 comentários:

Rita disse...

Bom dia,Paz
que irreverente postagem,em verdade, viver perigosamente só vale a pena se a causa for única e simplesmente nossa razão de viver,o Evangelho,as boas novas!
Eu assistia quando criança esse seriado kkkkkk,eu gostava tanto,era um dos meus favoritos,vcs desenterraram uma cápsula do tempo rsrsrsr,amei!

Fiquem na Paz,e abraços afetuosos para todos!!

Casal 20 disse...

Verdade, Rita!

Perigosamente pela causa do Evangelho (só).

Desenterramos mesmo essa série, não é?

É para matar saudade.

Abraços sempre afetuosos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...